Como percebemos o envelhecimento…. Nossa pele vai gradativamente tornando-se mais seca, áspera e perdendo a elasticidade. Neste momento ao olharmos o espelho percebemos o aparecimento das temíveis rugas, que inicialmente só apareciam quando franzíamos a testa ou fazíamos aquela cara de brava em alguma situação controversa ou forçando a vista para enxergar algo distante… As pessoas próximas dizem… “Nossa ela está tão envelhecida… o trabalho dela é muito estressante… ela parece cansada….” Até que finalmente as rugas já aparecem mesmo quando estamos sem mexer os músculos da face, ficando fixas…. e agora ?

Eliminar as marcas acumuladas por anos e ver-se naturalmente mais jovem sempre foi o principal desejo de quem busca tratamentos de rejuvenescimento facial. Um rosto jovem e atrativo não é só aquele sem rugas. A beleza de um rosto também está nos contornos e formas suaves, com as maçãs do rosto e traços bem definidos.

Sabemos que o envelhecimento facial é um processo amplo, que resulta na presença de múltiplos sinais na face, como aparecimento de rugas dinâmicas (formada pela ação dos músculos faciais) e rugas estáticas (formada pela diminuição/ alteração de colágeno e ácido hialurônico na pele), além da perda de volume e contorno facial. Esta diversidade requer um plano de tratamento amplo que atue nos 3R’s do rejuvenescimento facial:

  • R1 = Relaxamento Muscular para atenuação das rugas dinâmicas.
    • O relaxamento muscular será realizado com toxina botulínica (BOTOX ®), nas áreas onde houver linhas de expressão em formação ou já estabelecidas (para saber mais clique no item Toxina Botulínica). → http://cristianecomparin.com.br/aplicacao-de-botox/
  • R2 = Redefinição de contornos e tratamento de rugas estáticas com a aplicação de preenchedores faciais de ácido hialurônico.
    • Os preenchedores faciais irão corrigir sulcos e linhas mais profundas, restaurando a harmonia da face. (para saber mais clique em Preenchimento Facial)→ http://cristianecomparin.com.br/preenchimento-facial/
  • R3 = Reposição de Volume facial em áreas alteradas pelo processo de envelhecimento com preenchedores de efeito volumizador. (para saber mais clique em Preenchimento Facial)→ http://cristianecomparin.com.br/preenchimento-facial/

Quais são as áreas faciais mais afetadas com a perda de volume?

Quando envelhecemos, ocorre perda de volume em muitas áreas do rosto, mas são duas regiões específicas que mais sofrem o impacto da inversão do “triângulo da juventude”.

Região malar (maçãs do rosto): Com a perda de volume e ação gravitacional, as bochechas passam de sua posição habitual para uma posição inferior, agravando os sulcos nasogenianos (também conhecidos como “bigode chinês”), dando ao rosto uma aparência cansada e envelhecida. Observe na figura 1 como há redução de gordura (em amarelo) na região das maçãs do rosto com o passar da idade, deixando a pele dessa área sem sustentação.

• Região Mentoniana (queixo): A ausência de volume nesta região resulta em perda de contorno e definição facial.
Figura 1

A reposição harmoniosa de volume nas maçãs do rosto, promove o retorno do “ V da Juventude”, em uma comparação das maçãs do rosto proeminentes e o queixo delicado, que lembram a letra V, que é o formato do rosto quando somos jovens. Ao longo do tempo o rosto assume o formato de “V invertido”, pela perda de volume na região das maçãs do rosto. Observe na figura 2.
Figura 2

Este processo ocorre na maioria das pessoas, mas não é sempre que se torna visível, depende da anatomia de cada rosto. A restauração do volume dessa região pode ser feita com Ácido Hialurônico ou com a Hidroxiapatita de Cálcio (Radiesse ®), o qual também é um preenchedor facial de altíssima qualidade e biocompatibilidade.

Apenas a avaliação de um Dermatologista capacitado e habilidoso irá esclarecer quais os procedimentos indicados para o seu caso.

Agendar avaliação

DIGITE O TEXTO E PRESSIONE A TECLA "ENTER" PARA BUSCAR